Os gatos, ao lado dos cachorros, são os principais animais que adotamos como animais domésticos, após muitos anos de convivência e domesticação. São considerados animais muito carinhosos e adorados por muitos de nós. Aqui seguem algumas curiosidades sobre os bichanos:

Os “primos” do gato doméstico

O gato faz parte da família dos felídeos, juntamente com tigres, leões, pumas, linces, onças, entre outros, formando 38 espécies espalhadas pelo mundo. Estima-se que o ancestral do gato doméstico tenha aparecido há mais de 3 milhões de anos, e que o “parente” mais próximo ainda vivo é o gato selvagem africano. O que os unem? Presença de garras retráteis, tendência à caça solitária, e locomoção sobre dedos (e não sobre as palmas das patas, como os cães).

Gatos peludos e gatos sem pelos

Atualmente, existem pouco mais de 90 raças de gato doméstico. Esse número pode variar de lista para lista, dependendo de quantas raças são reconhecidas por associações internacionais como a The International Cat Association. Essas raças se distinguem principalmente pelo padrão da pelugem que cobre o corpo. Existem inclusive gatos “pelados”, sem qualquer pelo, como os da raça Sphynx. Outros gatos possuem uma pelagem mais densa, como o conhecido gato persa. Além disso, a cor dos pelos, e o padrão da coloração, ajudam a diferenciar as diferentes raças de gatos.

Afinal, de onde vêm as bolas de pelo?

É tanto pelo que, por vezes, os gatos também podem cuspir bolas de pelo! Essas esferas são formadas conforme o gato pratica sua auto-higiene: o pelo lambido é retido na sua áspera língua, sendo engolido. Esse pelo se acumula no piloro, que é a parte do estômago que se liga ao intestino. Com o bloqueio do piloro, o estômago vomita seu conteúdo, inclusive os pelos, compactados. As bolas de pelo são comuns nos gatos, porém o animal pode ter problemas ao não conseguir eliminá-las, como má digestão, perda de peso e letargia.

A raça felina mais cara do mundo

Ainda falando de raças, algumas dessas podem ser incrivelmente caras, seja por características ou coloração do pelo, ou pelos cruzamentos envolvidos. Os gatos Sphynx, totalmente sem pelos, podem custar por volta de 3.000 dólares. Mas esse preço é considerado pechincha se compararmos com a raça Ashera. Trata-se de um animal híbrido de gato doméstico, serval e do leopardo africano (!), graças à empresa Lifestyle Pets. O preço? A bagatela de no mínimo (!!!) 125.000 dólares.

Por que o gato foge do cão, mas corre atrás do rato?

Quando se fala de gatos, ratos e cachorros, é difícil não se lembrar da animação Tom e Jerry, na qual o gato Tom persegue o rato Jerry (sem sucesso), isso quando não tem que fugir, ele mesmo, do buldogue Spike. Esse padrão estereotipado pode ter uma explicação no passado evolutivo de cães e gatos: existem evidências de que cães livres predavam gatos adultos e filhotes com frequência no período Neolítico (1000 anos a.C). Por que então os gatos tendem a caçar ratos e outros animais menores? Isso na verdade é um reflexo do hábito solitário dos felinos quando caçam. Dessa forma, buscam alimento para eles mesmos, e não para dividir com outros gatos.

Categories: Curiosidades

0 Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *